Como lidar com a “síndrome pós-viagem”

Quando eu pedi demissão para viajar, eu ainda nem tinha um passaporte, nem uma mala e nem um bilhete de passagem. Tudo o que eu tinha era a certeza de que a minha primeira viagem internacional seria a oportunidade para "me encontrar" e nada me faria mais feliz na vida. Que grande engano. Um ano … Continue lendo Como lidar com a “síndrome pós-viagem”